Sindha promove cursos de boas práticas para alimentação em Porto Alegre e Canoas

A formação de responsáveis técnicos para a garantia das boas práticas na manipulação de alimentos motivou o Sindha – Sindicato de Hospedagem e Alimentação de Porto Alegre e Região a, mais uma vez, ampliar a realização de cursos para a Capital e também para Canoas. Para Porto Alegre, as especializações serão ofertadas em turmas na manhã e tarde. Além disso, um workshop focado em liderança completa a agenda neste início do mês de setembro. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo site sindha.org.br.

Em Porto Alegre, entre os dias 10 e 13 de setembro, das 8h30 às 12h30, o curso “Boas Práticas Para Serviços De Alimentação – Alvará” será ministrado pela Mestre em Nutrição, Maria Cristina Furtado. Voltado para empresários da gastronomia, além de responsáveis pela manipulação dos alimentos, nutricionistas e técnicos em Nutrição, estudantes de graduação e demais profissionais da área, a intenção é levar as práticas adequadas e o atendimento à legislação vigente para a retirada de alvará. As aulas acontecerão na sede do Sindicato (R. Dr. Barros Cassal, n° 180, conjunto 801).

O mesmo curso será ofertado em uma turma para a tarde, também de 10 a 13 de setembro, com aulas das 16h às 20h, na sede do Sindha, e ministrado pela nutricionista e pós-graduada em Gestão da Segurança de Alimentos, Antonia de Sousa Cunha. Para associados, o investimento para cada um dos cursos é de R$ 250, com 50% de desconto para a primeira inscrição. Para representados das categorias de hospedagem e alimentação, assim como o público geral, o investimento é de R$ 250.

Já os empresários do setor e demais interessados no curso de Boas Práticas situados em Canoas poderão se inscrever na edição do curso voltada para a cidade e que acontecerá entre os dias 10 e 13 de setembro, das 14h às 18h, no Senac Canoas (R. Matias velho, 255 – Centro). A auditora em Segurança Alimentar e Consultora Senac, Samantha Mallmann Lessa, irá ministrar a capacitação. O valor da inscrição segue R$ 250 para associados, representados e público em geral.

Foto: Reprodução | Fonte: Assessoria

Related Post