Novo Hamburgo recebe curso de Medicina pela Universidade Feevale

Nesta terça-feira (01), ocorreu, em Brasília, o 1º Ato de Credenciamento e Autorização dos Cursos de Medicina do Edital 6/2014. Na ocasião, o Ministério da Educação (MEC) autorizou, em definitivo, a Universidade Feevale passa a ofertar o curso de Medicina em Novo Hamburgo. A cerimônia contou com a participação da reitora da Feevale, Inajara Vargas Ramos, do diretor do Instituto de Ciências da Saúde, Cesar Augusto Teixeira e do vice-prefeito e secretário de Saúde de Novo Hamburgo, Antônio Fagan (foto). A partir dessa data, a Instituição aguarda a publicação da portaria no Diário Oficial da União (DOU), para que possa iniciar o processo seletivo dos futuros estudantes.

Com a assinatura, a Instituição poderá ofertar, em Novo Hamburgo, 60 vagas anuais, 30 ainda em 2017. A previsão é que as aulas da primeira turma se iniciem dia 12 de setembro. O ingresso ocorrerá por meio de resultados obtidos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), nos anos de 2015 e 2016. Estudantes que tenham cursado e concluído todo o Ensino Médio nas cidades dos vales do Sinos e do Paranhana e da Encosta da Serra poderão contar com o acréscimo de 2% sobre a nota do Enem. Mais informações sobre as inscrições serão divulgadas por meio de edital, assim que for aberto o processo seletivo.

Os estudantes participarão de atividades práticas desde o primeiro semestre de formação, com atendimento à comunidade na rede de atenção básica dos municípios de Novo Hamburgo, Campo Bom, Dois Irmãos, Ivoti e Sapiranga, nos hospitais conveniados (como, por exemplo, o Hospital Municipal de Novo Hamburgo, o Hospital Regina e o Hospital de Sapiranga) e no Centro Integrado de Especialidades em Saúde (CIES), localizado junto ao Câmpus II da Feevale.

O investimento da Universidade Feevale para a implantação do curso de Medicina é de cerca de R$ 15 milhões, considerando a construção, ampliação e melhorias em laboratórios e espaços específicos, como o Centro Integrado de Especialidades em Saúde, destinado ao atendimento de pacientes do SUS e à formação dos profissionais de saúde. Segundo a reitora Inajara Vargas Ramos, “a autorização para a oferta do curso de Medicina ratifica o compromisso da Universidade Feevale em produzir, desenvolver e difundir conhecimento”.

Foto: Divulgação | Fonte: Assessoria

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *