Biblioteca Itinerante reúne 300 livros e revistas destinados a trabalhadores da MRV no RS

No Brasil, há cerca de 13 milhões de brasileiros considerados analfabetos funcionais, ou seja, que demonstram incapacidade de compreender textos simples. Eles representam cerca de 8,5% da população com 15 anos ou mais. Conforme levantamento realizado pelo Instituto Montenegro em parceria com o Ibope, 60% estão empregados, sendo 15% da Construção Civil.

Uma das formas de combater este cenário é incentivar a leitura. A solução encontrada pela MRV Engenharia foi criar as Bibliotecas Itinerantes em alojamentos de trabalhadores das cidades de Gravataí e Canoas. Atualmente, 500 trabalhadores que vivem nesses alojamentos têm a sua disposição cerca de 300 unidades de livros e revistas.

As bibliotecas itinerantes existem desde 2015 e buscam além de incentivar a leitura, possibilitar aos trabalhadores um momento de descontração e relaxamento entre uma obra e outra. A ação faz parte do projeto Escola Nota 10, que já promoveu a alfabetização de cerca de 3 mil operários em 170 salas de aula, implantadas em canteiros de todo o País. No Rio Grande do Sul, já são cinco escolas e mais de 150 alunos beneficiados.

Fonte: Assessoria

Related Post