Acadêmico da Faccat representa o Brasil no campeonato mundial de Canoagem Slalom

O acadêmico da Faccat de 24 anos, o atleta canoísta Guilherme Mapelli participará de 25 a 30 de setembro do Campeonato Mundial de Canoagem Slalom, que ocorrerá no Rio de Janeiro. Integrando a equipe da Seleção Brasileira, o acadêmico das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) está confiante em poder representar bem o Brasil. Atleta da Associação Três-Coroense de Canoagem (Asteca), começou sua carreira aos 12 anos. Atualmente compete na categoria K1 (caíque sênior).

“Estou me preparando bem. Nas últimas duas semanas estou treinando todos os dias no Rio de Janeiro. Treino uma hora por dia em água nas corredeiras e no contra turno, atividades na academia. Nossa expectativa é das melhores”, diz Mapelli.

Acadêmico do curso de fisioterapia da Faccat, Mapelli conta que está gostando muito de estudar na instituição de ensino. “Tenho um apoio muito grande da Faccat e dos professores, que são parceiros e entendem os compromissos que tenho com as competições. Eles ajudam e eu consigo participar das provas sem me preocupar com a faculdade porque tenho apoio em todos os sentidos”, explica o atleta.

O Campeonato Mundial de Canoagem Slalom Rio 2018 trouxe para as corredeiras de Deodoro cerca de 250 canoístas, de 40 países. A disputa por equipes abre as provas e a competição é uma realização da Academia Brasileira de Canoagem (ABraCan), supervisão técnica da Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) em parceria com o Ministério do Esporte, com o apoio da Federação Internacional de Canoagem e prefeitura da cidade do Rio de Janeiro.

Foto: Divulgação | Fonte: Assessoria

Related Post